InícioDicas e novidadesBiossegurança em laboratório: confira as melhores práticas!

Biossegurança em laboratório: confira as melhores práticas!

Autor

Data

Categoria

Todos os dias, os laboratórios estão sujeitos a diferentes tipos de ameaças, como acidentes e riscos químicos, biológicos e radioativos. A boa notícia é que, ao implementar medidas simples, é possível prevenir-se de todas essas circunstâncias.

Isso é o que chamamos de biossegurança em laboratório, ou seja, a implementação de práticas diárias que garantem uma condição de segurança a toda a equipe e também do ambiente.

Quer entender sobre as melhores práticas para assegurar a biossegurança em seu laboratório? Leia nosso artigo até o fim!

O que é biossegurança?

Baseado no dicionário Priberam e em publicações do Ministério da Saúde, podemos definir o significado de biossegurança como uma condição que busca prevenir, controlar, reduzir e eliminar riscos à saúde dos seres humanos, animais e meio ambiente. 

Quando falamos em laboratórios, é possível afirmar que há muitas ameaças, sejam elas relacionadas a acidentes, riscos químicos, biológicos e até mesmo radioativos. Portanto, a biossegurança visa utilizar técnicas e procedimentos para assegurar a integridade de todos os envolvidos.

biossegurança em laboratórios
Biossegurança: trata-se de uma condição para eliminar as ameaças à saúde.

Atualmente, há uma série de protocolos e equipamentos de proteção que podem ser aplicados e diminuir consideravelmente (ou até completamente) esses riscos.

Além disso, também é importante ressaltar que os laboratórios respondem a órgãos reguladores e precisam cumprir regras de acordo com os decretos publicados. Para a biossegurança, as publicações mais importantes são a Instrução Normativa nº 7, da CTNBio, e a Lei nº 11.105

Práticas de biossegurança em laboratórios

Para garantir a biossegurança no seu laboratório, é importante aplicar algumas medidas diárias. Confira as principais práticas abaixo!

Implemente normas de biossegurança para o laboratório

Regras são importantes para manter o ambiente sempre em ordem e, nos laboratórios, não é diferente. Portanto, crie normas que devem ser cumpridas diariamente e fixe em um local acessível do estabelecimento para que sejam sempre relembradas e estejam ao alcance de todos.

Nas regras, inclua itens como:

  • Não coma dentro do laboratório, apenas nas áreas indicadas para isso
  • Esteja atento e acompanhado de um ou mais profissionais
  • Use equipamentos de proteção
  • Debaixo da proteção de um jaleco, use roupas adequadas, como camiseta ou camisa, calça comprida ou saia longa, e sapatos fechados 
  • Faça descartes em locais apropriados

Crie uma rotina de limpeza em laboratório

A limpeza é uma forma de eliminar ameaças de diferentes tipos alocadas nas superfícies e nos materiais do laboratório. Isso garante mais segurança a todos e elimina possíveis riscos durante os procedimentos.

Diariamente, é importante fazer a limpeza do chão e das bancadas, que são áreas em que há contato constantemente. Superfícies como teto, janelas e paredes podem ser limpas com menos frequência, como uma vez por mês. 

Para isso, você pode utilizar água e sabão, e finalizar com álcool para a esterilização. Em caso de contaminação por produtos químicos, use solução de hipoclorito de sódio a 1%. 

Com relação aos equipamentos, o recomendado é fazer a limpeza em, no máximo, um dia depois da utilização. Quando houver risco biológico, encaminhe para a autoclave logo após o uso. 

Use Equipamentos de Proteção Individual (EPI)

Os EPIs estão previstos na legislação como uma obrigação tanto para o trabalhador, que deve utilizá-los constantemente, quanto para o empregador, que deve fornecer e monitorar seu uso.

biossegurança em laboratórios
Luva, máscara e jaleco são alguns dos EPIs para laboratórios.

Nos laboratórios, os principais EPIs são:

  • Jaleco: Deve ser utilizado em todos os procedimentos laboratoriais pois cria uma barreira e impede que substâncias entrem em contato com o corpo, além de evitar acidentes com fogo.
  • Luvas: Servem tanto para proteger as mãos e a pele quanto para evitar que você seja um vetor de contaminação cruzada para outras superfícies.
  • Máscaras: Algumas substâncias apresentam riscos de contaminação ou liberam aerossóis. Nesse caso, é essencial usar máscaras tipo PFF1 ou PFF2.
  • Óculos de segurança ou protetor facial: Protegem os olhos de vapores, de partículas sólidas e de líquidos que possam se desprender durante os procedimentos.

Use Equipamentos de Proteção Coletiva

Assim como os equipamentos individuais, existem itens utilizados para a proteção coletiva, os chamados EPCs. Eles podem diminuir os riscos de acidentes e, até mesmo, combatê-los. Confira os principais abaixo: 

  • Autoclave: É  o equipamento responsável pela esterilização de equipamentos, utilizando o vapor de água em altas temperaturas.
  • Extintores de incêndio: Essenciais para conter o fogo em caso de incêndio. É recomendado ter um de cada tipo, ou seja, de água, de pó químico seco e de espuma.
  • Chuveiro e lava-olhos de emergência: Devem ser utilizados caso produtos químicos atinjam os olhos ou a pele. Deixe-os disponibilizados em um local de fácil acesso para todos.
  • Capelas de exaustão: Servem para eliminar gases e vapores tóxicos e criam um ambiente controlado para a realização de procedimentos. 

Treine sua equipe

Já mencionamos a respeito das regras e dos equipamentos, que devem ser fornecidos pelos contratantes, mas também é preciso que toda a equipe esteja devidamente treinada para pôr em prática a biossegurança.

Ensine a todos a utilizar cada um dos equipamentos e crie protocolos de emergência para evitar o desespero em situações adversas. De tempos em tempos, ou quando alguém novo entrar para a equipe, reforce esses treinamentos e as regras do laboratório.

A biossegurança em laboratório deve ser uma busca diária e constante, e a implementação das medidas citadas pode tornar esse processo mais fácil e manter você e sua equipe à salvo de ameaças.

Se você quer entender sobre a biossegurança de forma mais detalhada e aprender dicas valiosas para aplicar no seu laboratório, clique no banner abaixo e baixe gratuitamente nosso e-book! 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts recentes